segunda-feira, 21 de dezembro de 2015

Natal na NInho

















Natal na Ninho <3 Puro amor ;) Venha conferir produtos regionais, feitos a mão, criativos e lindos ;) Estamos das 09 as 19 h ;)

quinta-feira, 17 de setembro de 2015

Fique sabendo os benefícios dos brinquedos

Se observarmos crianças se divertindo juntas ou se reparamos nos presentes de aniversário em uma festa infantil, poderemos na maioria das vezes, encontrar brinquedos feitos de metal ou plástico e movidos a pilha, brinquedos que a publicidade direcionada para crianças; que muitas vezes não tem nenhuma condição de avaliar se aquilo que está assistindo é uma montagem, ilustração ou simulação; vendeu para elas nos intervalos de seus desenhos prediletos. Elas acreditam que aquele boneco sairá correndo verdadeiramente, esse desejo gera uma ansiedade tremenda, além é claro de após ganhar o brinquedo uma frustração e desinteresse. Barulhentos e com vários botões, esses brinquedos andam, falam, cantam. A criança apenas observa.Escutamos com frequência adultos dizendo que algo é muito simples para determinada criança pois ela já mexe livremente num I Pad ou possui muitos brinquedos eletrônicos. Esse raciocínio é bastante equivocado e se continuado levará a uma geração de crianças que não desenvolvem os princípios mais interessantes de suas capacidades motoras, cognitivas, sociais e neurológicas. Crianças são simples. O brincar é simples, pois é natural.
Que tal colocar as crianças no comando da brincadeira? Essa é a proposta dos brinquedos selecionados por nós. Crianças tranquilas e desenvolvendo seu potencial intelectual naturalmente. 
Seguem 6 razões para você oferecer um brinquedo da Ninho para seu filhote:

ECOLOGIA
Diferentemente dos metais, dos plásticos, das pilhas e de outros acessórios eletrônicos, a madeira não polui. Assim, ao escolher um brinquedo de madeira, você está presenteando a criança duas vezes: com um belo passatempo e, mais importante, com um planeta menos poluído no futuro.

ECONOMIA
Os brinquedos de madeira existem e resistem há séculos! Pedra e argila e madeira eram materiais usados para fabricar brinquedos desde a pré-história, como revelam achados arqueológicos. Além disso, esses brinquedos encantam crianças de geração a geração. Já imaginou o prazer dos avós ao entregar aos netinhos brinquedos que fizeram parte da sua própria infância? Ao atravessar gerações, os brinquedos de madeira carregam a história da família e preservam muitas memórias.
SEGURANÇA
Eles não são pintados com tintas que podem conter metais pesados, tão perigosos para a saúde do ser humano. Além disso, como a madeira é um material natural e não tóxico. Se acontecer um acidente em que a criança mastigue uma peça de madeira, por exemplo, os riscos serão bem menores do que ao engolir um pedaço de plástico colorido, uma pilha ou outro componente eletrônico.
ESTIMULAM A IMAGINAÇÃO
Com eles, a criança assume o comando e manuseia o brinquedo como quiser. Em vez de apertar botões, ela vai puxar, empurrar, construir prédios, inventar maneiras de brincar. Vai se sentir segura, autônoma, imaginativa e potencialmente aproveitada. A criança da Asas a imaginação e cria suas próprias brincadeiras em vez de assistir um brinquedo fazer tudo sozinho.
APRENDIZADO
Aqui na Ninho temos uma grande variedade de jogos, quebra-cabeças, peças para formar estruturas,  tijolinhos peças para montar caminhões e carrinhos e muitos outros. O aprendizado acontece naturalmente, da forma mais gostosa: A criança se desenvolve brincando.

AUTONOMIA
Com os brinquedos da Ninho, o protagonismo é da crianças. O som de uma criança brincando com brinquedos escolhidos por nós é de risadas e de vozes de verdade. Permitindo um ambiente mais tranquilo e um brincar harmonizado com as tarefas domésticas.

quinta-feira, 10 de setembro de 2015

Ninho Sousas

Nosso Ninho agora é em Sousas, distrito ultra verdinho de Campinas que a gente está amando <3 e a novidade é que agora temos nossos personagens estampados em roupinhas orgânicas e quebra cabeças <3 bichos brasileiros <3 a loja está uma graça e totalmente direcionada para a primeira infância. Vem visitar :) estamos na avenida principal bem pertinho e de fácil acesso <3 



domingo, 27 de julho de 2014

Workshop de Introdução Alimentar com Fabiolla Duarte do Blog Colher de Paú









Encontro que visa discutir e refletir sobre de que maneiras é possível uma abordagem humanizada no momento da Introdução de alimentos sólidos para bebês.
Baseado em alguns conceitos abordados pelo pediatra espanhol Carlos Gonzáles, pela terapeuta argentina Laura Gutman, teorias sobre alimentação baseadas na Antroposofia, Macrobiótica, Alimentação Viva e noções básicas de Nutricionismo. Observação humana a partir da Antropologia, Psicologia e Educação, e tudo o mais do que virá a partir do relato biográfico gastronômico dos inscritos.

Quando fazer: em qualquer momento antes, durante ou depois da fase de introdução de alimentos sólidos. Para quem participa antes, é uma ótima oportunidade para se preparar para esse momento, com tempo para digerir novos conceitos. Para quem participa depois da fase de introdução ter começado, é muito útil para auxiliar nos desafios que surgem pelo caminho. Para quem participa muito depois, ainda uma excelente oportunidade para pensar em profundidade sobre alimento, comportamento e vida familiar.

Programa:

* Prontidão - sinais fisiológicos e comportamentais para a introdução de sólidos;

* Relações entre apetite, fome e mundo lúdico;

* Memória – de que forma a Introdução de Alimentos afeta nossa relação com alimentação na vida adulta;

* A comida da paixão – a comida que envolve todos os sentidos para além do apetite;

* Alimentação adulta x Introdução de Alimentos – é possível coerência?

* Comida prazer X comida saúde – onde mora o ponto de equilíbrio?

* Por onde começar - o que pode e o que não pode: dicas sobre os primeiros alimentos a serem oferecidos;

* Abordagem - maneiras eficientes de oferecer alimentos sólidos;

* Amamentação X alimentação de sólidos - desmame ou amamentação prolongada?

* Começar pelo doce ou salgado, suquinho, leite artificial, sal, açúcar, carne, vegetarianismo: sim ou não? – mitos da pediatria;

* Papinhas X pedaços, colher X mãos – dicas de cozimento, vantagens e desvantagens e a importância da experiência sensorial na Introdução de Alimentos;

* “Meu filho não come, e agora?” – reflexões sobre cada caso;

* Horários para cada refeição – como organizar as refeições familiares;

* Organização doméstica – sobre a ansiedade da mãe e as novas tarefas domésticas;

* Volta ao trabalho e Introdução de Alimentos – como conciliar trabalho e Introdução de Alimentos;

* Dicas básicas sobre nutricionismo – combinação de alimentos, cozimento e o prato completo;

* O cereais e leites vegetais – um pouco sobre cada cereal e dicas de como fazer leites vegetais em casa;

* Critérios alimentares – a escolha de uma dieta alimentar familiar e aspectos de cultura e tradição pessoais.

Valor R$197,00 individual ou R$350,00 casal

Exibirei alguns trechos de filmes para inspirar nossa reflexão.

Aqui alguns textos meus sobre Introdução de alimentos.
http://vilamamifera.com/alimentoecomportamento/category/introducao-de-alimentos/

Informações adicionais: costuracoletiva@gmail.com

ou pelo 011 9 8467 2960 ou na loja Ninho 19 32892763
PUBLICAÇÕES

Roda de Leitura para Bebes


Bebês já compreendem o que está sendo lido. Não é porque os olhos buscam outra coisa que eles nãoestão juntos nesse momento. A criança precisa muito do movimento, e o movimento a ajuda a pensar. Ela pode estar longe, mas ao ouvir uma frase diferente ou um verso que se repete, perceber algo. Nessa roda propomos um encontro de relaxamento onde a contadora vai narrando enquanto mãe e crianças se conectam. Nessa roda semanal pensamos em ter alguns convidados realizando a leitura e também girar a função de contador entre os participantes, tornando esse um momento de desenvolvimento pessoal. Podem participar gestantes e bebes de todas as idades, ideal até 3 anos.
Inicia 02 de Setembro as 16-30 H

Encontro Grupo Orion - Educação Ativa















Dias 14 e 15 de agosto - 19 as 21 h - Contribuição consciente - Quintal da Ninho
Com Margarita Valencia, Esperanza Chacon e Edgar Espinosa (Equador)

É hoje comprovado que uma pessoa amada e respeitada, nas suas verdadeiras necessidades em cada uma de suas etapas de desenvolvimento, se tornará um adulto que convive em paz e respeito consigo mesmo, com seus iguais e com a natureza, se tornando co-construtor de um planeta com as mesmas características.
Estes sãos os parâmetros que norteiam a educação ativa, uma perspectiva sobre a educação que nos permite construir uma vida em harmonia com as nossas crianças e adolescentes. Esta vertente se baseia em etapas sobre o desenvolvimento do ser humano realizadas por Jeanne Piaget e no conceito de “autopoyesis” do Humberto Maturama, dentre outros, que ressalta que na vida/natureza jamais existem relações instrutivas.
Esta palestra apresentará um conteúdo sobre a Educação Ativa como Alternativa de Convivência no Amor e Respeito entre Adultos e Crianças, , como uma oportunidade de aprofundar estes e outros elementos básicos de respeito aos processos de vida e acompanhamento adequado ao crescimento da criança e o adolescente, incorporando também insumos da vivencia de uma escola referencia mundial na área, em Equador: a escola Pestalozzi.

Serão também apresentados elementos importantes para resolver os inúmeros desafios no lar e na escola, como os de criar ambientes que satisfaçam as necessidades individuais de acordo com a idade e permitir a autonomia necessária para que a aprendizagem se faça de dentro para fora.